Carregando...
Mídia

Liverpool e Tottenham fazem a final da Liga dos Campeões4 minutos de leitura

COMPARTILHE

A final da Liga dos Campeões vai ser inglesa, após reverterem os placares, Liverpool e Tottenham garantiram vaga na final da competição. O jogo decisivo acontece no estádio Wanda Metropolitano, que é a nova casa do Atlético de Madrid, o jogo será realizado no dia 02 de junho.

Ontem, a torcida do Liverpool deu show. E a equipe seguiu com o espetáculo. Logo no início do jogo, o meia Henderson fez boa jogada, e finalizou, após bela defesa de Ter Stegen, a bola sobrou para Origi que só teve o trabalho de balançar as redes.

No restante da primeira etapa, se viu um jogo bem equilibrado. Com chances de ambos os lados. E não saiu mais gols no primeiro tempo, porque os goleiros Alisson e Ter Stegen não deixaram.

Na segunda etapa, o Liverpool precisava fazer mais três gols para se classificar. Com a lesão do lateral esquerdo Robertson, o técnico Klopp escolheu colocar o meia Wijnaldum, substituição essa que deu muito certo. Já que aos nove minutos, o meia que havia entrado no jogo, completou cruzamento perfeito de Alexander-Arnold e fez o segundo. E dois minutos depois, o mesmo Wijnaldum aproveitou bola levantada na área por Shaqiri e testou para as redes, igualando o confronto.

Com os gols sofridos, a equipe do Barcelona demostrou apatia e nenhum poder de reação. Enquanto isso, o Liverpool seguia em cima em busca de mais gol, que seria da classificação. Até que aos 34 minutos, Alexander-Arnold cobrou escanteio com rapidez e encontrou Origi sozinho dentro da grande área. O atacante sozinho, tocou para as redes para fazer o gol da classificação. E mostrar para o mundo que nada é impossível, quando o assunto é futebol.

Na partida de hoje, o Ajax jogando em casa, e foi derrotado pelo Tottenham. Que venceu por 3 a 2. E pelo critério de gol marcado fora de casa. Se classificou.

No primeiro tempo, o domínio foi do Ajax, que conseguiu fazer dois gols, e ainda tinha a vantagem de ter vencido o primeiro duelo por 1 a 0. Os gols foram marcados por De Ligt e Ziyech. O Tottenham por sua vez até criou na primeira etapa, mas viu a bola parar na trave, após chute de Son.

Com o placar de dois a zero para o Ajax, o time inglês precisava de fazer três gols, para chegar a decisão. O técnico Pochettino colocou o atacante Llorente, que mesmo não sendo muito querido pela torcida, era o atacante que o treinador tinha a disposição. Com a entrada do centroavante, Son foi deslocado para a ponta esquerda, e o Lucas para direita, apesar que os atletas tinham liberdade para circular pelo meio.

E aos 10 minutos. Após linda jogada, Dele Alli rolou para Lucas Moura sair na cara do gol e tocar no canto de Onana para fazer o gol. E logo em seguida, Lucas Moura aproveitou bola que sobrou após bate-rebate dentro da área e mandou para as redes, empatando o jogo.

Com empate, o time do Ajax começou a errar jogadas simples, e por muito pouco não levou a virada. Após cobrança de escanteio, o zagueiro Vertonghen obrigou o goleiro Onana a fazer um milagre. No entanto, os Spurs estavam dando espaço para contra ataques, e em uma das poucas vezes que o time holandês chegou com perigo, o meia Ziyech, acertou a a trave de Lloris.

E quando tudo já se caminhava para o fim do jogo, Dele Alli ajeitou para Lucas Moura e o brasileiro finalizou no canto de Onana para marcar o terceiro, e assim garantir a classificação para os Spurs.

A coincidências das classificações, é que ambas as equipes inglesas, marcaram três gols na segunda etapa. Na teoria, o Liverpool é o favorito. Mas o fato de ser uma final de times do mesmo país, faz com que a partida tenha uma pitada a mais de rivalidade e também de equilíbrio.

E nessa edição da Liga dos Campeões, ficou claro que o favoritismo em muitas vezes foram deixados para trás. Principalmente se analisarmos os desafios que os finalistas tiveram que passar para chegar a final.


COMPARTILHE
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *