Carregando...
Personalidades no PE

Personalidades no PE: Confira um pouco da história do meia Serginho Mentira6 minutos de leitura

COMPARTILHE

Por Lindenberg Junior

O quadro Personalidades no PE, trás nesta semana um pouco da história do meia Serginho Mentira que atuou em várias equipes no futebol profissional e ainda brilha no futebol amador de Rio Verde.

Sergio Rodrigues Melo, conhecido como Serginho, nasceu no dia 05 de setembro de 1971 em Rio Verde. Filho de Antônio Cristino Rodrigues Melo e Maria dos Reis de Melo. Casado com Samla Soares Martins e é pai dos meninos Artur e Alisson Soares Rodrigues Melo.

Inicio de tudo

Serginho começou nas categorias de base do Esporte Clube Rio Verde, curiosamente nunca atuou na equipe profissional do verdão do sudoeste. onde ficou até os 15 anos. Teve que dar uma parada no futebol para poder trabalhar.

Quando tinha 17 anos, através do professor Zé de Oliveira e do técnico Luís Dário, foi levado para o Mineiros para jogar na equipe Sub-20 e acabou se profissionalizando no MEC.

Futebol Profissional

Foram 16 anos como jogador profissional, passando por vários clubes, Ituano – SP, Internacional de Lages – SC, Ferroviária de Araraquara – SP onde disputou por 3 anos a primeira divisão do futebol paulista. Atuou no Deportivo Pereira da Colômbia em 1998.

Ferroviária de Araraquara vice campeão brasileiro da Série C

Também passou pelo Volta Redonda, Moto Club onde foi campeão maranhense em 2000. Atuou no arquirrival, Sampaio Corrêa, no Vila Nova onde foi campeão goiano em 2001.

Passou também pela Associação Atlética Rioverdense em 2003, União de Rondonópolis no mesmo ano, Crac de Catalão em 2004, Operário de Várzea Grande no Mato Grosso, Botafogo da Paraíba e entre outros clubes.

Futsal

Serginho conta que também pelas quadras, onde foi campeão juvenil pela Comigo em Petrolina que fica no interior de Goiás. Disputou também o campeonato goiano e rodou todo o estado, no qual a viaja era feita de Kombi dirigida pelo tio Ulisses.

Futebol Amador

Serginho ainda segue disputando as competições amadoras em Rio Verde, tanto no futebol society quanto no campão. Em ambos, disputando sempre na categoria master.

O meia nos contou que jogou na equipe do Montividiu do saudoso Weide Otta,no Campeonato Amador de Rio Verde quando ainda tinha de 13 para 14 anos. Também jogou no Campo Terrão do Canaã pela equipe do Marcão Barbeiro, onde conquistou alguns títulos.

Jogou alguns Campeonatos da Série A da cidade pela Comigo. Pelo clube também jogou no masters conquistando vários títulos, disputou também campeonatos em Jataí.

Também jogou noa Equipe do Rio Verde Agrocampo em 2017 onde foi vice campeão goiano master.

Momentos marcantes

O meia relata que “Graças da Deus” teve o prazer em jogar em muitos lugares, conhecer culturas diferentes, como por exemplo em Santa Catarina na cidade de Lages, jogando no frio que variava entre 5º a 8º graus abaixo de 0º.

Serginho no Sampaio Corrêa

Jogou em Araraquara, no Murumbí estádio do São Paulo, Brinco de Ouro da Princesa em Campinas, no Canindé, jogou no estádio São Januário do Vasco da Gama, Caio Martins. Fez gol no Internacional em pleno Beira- Rio.

Também relata a felicidade que foi ser campeão maranhense pelo Moto Club com a torcida apaixonante. Ser campeão goiano pelo Vila Nova, inclusive fazendo gol na final no qual o jogo foi transmitido para todo estado, amigos e familiares assistindo.

Time campeão no society em Jataí usando uniforme do Flamengo

Outro fato marcante foi quando viajou pela primeira vez de avião, inclusive indo para o Catar. Passeou de barco por duas horas no Rio Nilo em Cairo no Egito, com direito a jantar e as mulheres dançando a dança do ventre no barco.

Amizades

Serginho relata que fez muitas amizades no esporte, todos que o ajudaram na sua formação como cidadão do bem. Agradece de mais a mãe por ter feito ao mesmo tempo o papel de pai.

Tem um carinho muito especial por Wilsinho Galinho ( técnico), Dr Vicente Guerra grande incentivador, onde ajudava a garotada da base. Agradece demais o professor Zé de Oliveira que ajudou ele ir para Mineiros, assim como o técnico Luís Dário.

Serginho treinador na Comigo

Fez muitas amizades que para não cometer o erro de esquecer algum nome, prefere não menciona-los, mais todos sabem do carinho que tem com eles.

Relata ainda que trabalhou com grandes treinadores, como Luís Dário, Cilinho, Rubens Minelli, Arthuzinho, Roberval Davino, Vail Motta, Ricardo Barreto, Búfalo Gil e entre outros nomes.

Atual ocupação

Serginho Mentira atualmente se dedica a trabalhar como treinador na Escolinha de Iniciação Esportiva da prefeitura de Rio Verde no Clube Dona Gercina. Também é professor na Escolinha Meninos da Villa.

Por vários anos, foi professor na escolinha da Associação Atlética Comigo onde disputou várias competições.

Serginho ao lado da esposa e dos filhos

COMPARTILHE
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *