Carregando...
Goianão

Por onde andam os atletas que salvaram o Rio Verde do rebaixamento em 2017?8 minutos de leitura

COMPARTILHE

As competições estão paralisadas em quase todas as partes do mundo. Desta forma, o Portal Esportivo decidiu pesquisar sobre jogadores que se destacaram no Esporte Clube Rio Verde.

O Ano foi 2017, o EC Rio Verde disputava a elite do futebol goiano. Os atletas sem receber seus salários por várias vezes cobraram na imprensa os pagamentos. Até o presente momento, não temos a informação se eles já receberam.

Desde o inicio foi complicado. Dificuldades para inscrever jogadores e angariar recursos. Problemas em hotel e restaurante.

Para se ter uma ideia, não houve trabalho de marketing na parte mais fácil que era a divulgação de contratações, tanto que dificilmente se encontra jogadores com a camisa do clube.

Mesmo assim, o clube conseguiu permanecer, graças unicamente aos atletas que não deixaram os problemas extra campo atrapalharem.

Na penúltima rodada da primeira fase, o Rio Verde venceu o Goianésia fora de casa por 1×0, gol do atacante André Luiz aos 49 do segundo tempo e com 2 jogadores a menos.

O time folgou na última rodada e na combinação de resultados, o verdão do sudoeste escapou do rebaixamento. No ano seguinte, o time acabou sendo rebaixado.

Confira a lista dos atletas que estiveram em campo no dia 02 de abril de 2017 e que livrou o time do rebaixamento.

Goleiro:

Tom, ficou marcado por ter feito um ótimo campeonato, foi um dos destaques. Depois passou por Grêmio Anápolis, Real de Massamá ( POR), Central de Caruaru e hoje está no Juventus-SP.

Lateral direito:

Ramon, que é zagueiro de origem, nesta partida, atuou como lateral e foi muito bem. Depois passou por Grêmio Anápolis, Primavera, Aparecidense e atualmente está no Jaraguá.

Zagueiros:

A dupla de zaga foi formada por Rogério que depois passou por Anapolina, América, Santos- AP, Santa Helena. Não conseguimos descobrir onde está atuando.

O outro zagueiro foi Herbert que depois passou por Juventus de São Paulo e no asso passado esteve no Águia Negra do Mato Grosso do Sul.

Lateral esquerdo

Roger Guerreiro, experiente lateral e meia, naturalizado polonês. Hoje já se aposentou do futebol.

Meio campistas

Victor Hugo

O meio de campo foi formado pelos volantes, Vitor Hugo que depois passou por Grêmio Anápolis, Uniclinic, Novo Horizonte, Comercial- MS e atualmente defendi o Murici de Alagoas.

O outro volante era o garoto da base, Rangel, que depois passou por Jataiense, Grêmio Anápolis, Novo Horizonte. Atualmente está sem clube.

O meia da equipe foi o canhoto Ayrton que depois do Rio Verde, se transferiu para o futebol francês, onde atuou no FC Montceau e agora veste a camisa do Toulon.

Atacantes:

O verdão do sudoeste entrou em campo com 3 atacantes. O argentino Enry que até ano passado esteve no Gualaceo do Equador.

Outro jogador ofensivo foi o rio-verdense Saulo, que foi um dos artilheiros da equipe com 05 gols. O veterano ainda passou por Iporá, Rioverdense, Crac e Santa Helena. Atualmente está sem clube.

Fechando o setor ofensivo, talvez tenha sido o atleta que mais se destacou depois de passar pelo Rio Verde. André Luís, vindo de empréstimo do Botafogo do Rio de Janeiro, marcou 05 gols em 08 partidas.

Depois, André Luiz foi atuar no Ypiganga de Erechin, Figueirense e nas duas últimas temporadas, está defendo o Deportivo Chaves da segunda divisão portuguesa onde é o artilheiro da equipe na temporada atual com 16 gols.

Ainda atuaram na partida

Ainda participaram da partida, o zagueiro Ito que entrou no lugar do Enry. O defensor no ano seguinte jogou no Gaúcho. Não temos noticias de seu último clube.

O meia Rogerinho entrou no lugar de Airton. Depois do Rio Verde, Rogerinho passou por Macaé, Veranópolis, Cruzeiro – RS, Juazeirense, Maringá, Bagé, Americano e agora está no Patrocinense.

O lateral Jefferson entrou no lugar do zagueiro Ito, foi ele quem deu a assistência para o gol de André Luiz. Jefferson passou por Bela Vista, Santa Cruz – RS, União Beltrão e está no União Frederiquense do RS.

Treinador

O técnico da equipe foi o Regis Amarante, ex jogador do Internacional e São Paulo. Regis ficou conhecido na cidade de Rio Verde, por colocar o time para treinar em apenas um período, na ocasião, apenas pela manhã.

Não entraram no jogo:

O goleiro Luiz Fernando que já se aposentou, o zagueiro que ainda está na base Cissi, o meia Keslley que jogou por último no Santa Helena e os atacantes Caique e Benhur.

Estiveram no elenco

Outros jogadores conhecidos também vestiram a camisa do verdão no Campeonato Goiano de 2017.

O lateral direito Bruno Leite que foi titular na maioria dos jogos, os volantes Bruno Sabino que acabou se contundindo e Jair que alias, atuou pouco devido a contusão. Hoje está atuando no Atlético Mineiro, antes esteve no Sport Recife.

Vários jogadores vieram de uma empresa do sul do país, entretanto, apenas Jair que se contundiu e André Luiz, conseguiram se destacar.

O atacante Léo Sousa que na época tinha 19 anos, mal teve oportunidades e hoje está se destacando no futebol japonês. Em 2018 marcou 24 gols pelo Gainari Tottori e em 2019 marcou 28 gols pelo Albirex Nigata. Atualmente está no Urawa Reds.

Confira o gol da vitória do Rio Verde sobre o Goianésia. Áudio da Rádio Morada do Sol FM, equipe Sensação da Galera.

Tem alguma sugestão de matéria especial? Entre em contato


COMPARTILHE
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *