STJD anula partida entre Aparecidense e Ponte Preta

Publicidade

Publicidade

Na noite dessa sexta feira, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva decidiu anular a partida entre Aparecidense e Ponte Preta, que aconteceu no dia 12 de fevereiro pela primeira fase da Copa do Brasil. Por cinco votos a quatro, a entidade acatou o pedido da equipe paulista, que tinha alegado uma possível interferência externa no lance do gol de empate.

Dessa forma, será realizado uma nova partida, para definir qual das equipes passa para a próxima fase da Copa do Brasil.

O lance que gerou toda essa polêmica, foi quando o jogador
Hugo Cabral marcou o gol de empate. O árbitro Léo Simão Holanda validou o gol. Mas foi alegado uma possível interferência externa, além de uma grande confusão entre os jogadores, sendo assim, o juiz voltou atrás e anulou o gol do time paulista. E no meio de toda essa confusão, segundo a diretoria da Ponte Preta, o delegado da partida teria entrado em campo, dessa forma a diretoria da equipe paulista pediu a anulação do jogo, que tinha sido vencido pela Aparecidense por 1 a 0.

Publicidade

Publicidade

O PortalEsportivo.net preza pela extrema qualidade de suas reportagens. Viu algum erro, acha que alguma informação deva ser acrescida à esta reportagem ou quer solicitar a cópia deste conteúdo? Entre em contato conosco ou, se preferir, envie um e-mail para [email protected].

Leia também

Por Luiz Henrique

Também jornalista com formação, Luiz Henrique faz parte da equipe, colaborando na produção e postagem das reportagens esportivas do PE. Fã de futebol, ele já trabalhou como comentarista esportivo, na Rádio Sulamérica FM, de Maurilândia, e já foi autor de blogs de notícias do mundo do esporte.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do PortalEsportivo.net.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade